Relaxamento, meditação e a voz dentro da cabeça


A voz dentro da sua cabeça repete cada palavra que você lê agora.

A voz dentro da sua cabeça fala com você a cada pensamento formulado.

A voz dentro da sua cabeça… blá, blá, blá!

A voz dentro da cabeça chega a ser inconveniente!

A voz dentro da cabeça chega a manipular!

Como silenciar a voz dentro da cabeça?

Relaxamento,meditação e a voz dentro da cabeça

A voz dentro da cabeça

Há dentro de nós um narrador interno que sabe de todos os nossos segredos mais íntimos.

Este narrador interno faz comentários desagradáveis, nos apressa em alguns momentos, dá sugestões, fala mal e é uma presença constante.

E este narrador interno também faz coisas boas como: enaltecer, motivar, aconselhar, dizer coisas engraçadas e etc..

Esta voz interna, portanto, não é um inimigo a ser exterminado, mas é uma presença que precisa ser controlada para que não seja inconveniente.

Como conseguir uma convivência produtiva e harmoniosa com a voz dentro da cabeça?

Com meditação.

O que é meditação?

Meditação é um processo de quietude da mente e de interiorização que propicia paz, contato com a própria essência e que possibilita o autoconhecimento.

Quando nos conhecemos também passamos a conhecer nossas deficiências e também podemos despertar nossas potencialidades.

Tudo isso nos levará a nos relacionarmos melhor conosco e com os outros.

Melhores relações possibilitam o sucesso tanto interno quanto externo.

Meditação é um caminho de autoconhecimento, transformação, resgate e verdade interior.

Meditação é o autocontrole dos sentidos físicos e sutis como: mente, intelecto e personalidade.

Silenciando a voz dentro da cabeça

Silenciar a voz dentro da cabeça pode parecer impossível, mas não é!

Para meditar é preciso ter vontade de meditar! Falo de vontade e não de obrigação. Meditação não é remédio. É vontade de transformação (e que pode ser remédio para muita coisa, consequentemente!).

Meditação é vontade de se transformar e ser dono de si mesmo e ser alguém ativo e não reativo na vida.

O ser ativo escolhe os passos de seu destino e o ser reativo é movido pelas influências externas e reage ao invés de agir.

Ou seja, é vítima pela sua falta de liberdade, pois quem reage não pratica a escolha da sua ação porque sua ação é involuntária.

O primeiro passo é buscar o silêncio interior, isto é, silenciar a voz dentro da cabeça através do relaxamento.

Relaxando para silenciar a voz dentro da cabeça

Sugestões para fazer de sua casa um ambiente favorável ao relaxamento e posteriormente à meditação:

  • Escolha um espaço agradável e arejado
  • Propicie uma iluminação indireta (Exemplos: luz de pouca intensidade ou vela)
  • Desligue telefones, televisão e qualquer objeto que distraia a atenção
  • Faça preferencialmente sentado (é possível fazer deitado, mas é comum virar um cochilo ao invés de um relaxamento) e com um encosto e/ou almofada para tornar a posição agradável
  • Plaquinha na porta de “Não Perturbe!”
  • Um incenso agradável ou aromatizador
  • Música suave e belas imagens.

Por enquanto chega de palavras!

Relaxe, medite e boa jornada em si mesmo!

Namastê!

Paulo Rogério da Motta