Os dez sinais de uma pessoa plena


Como ser uma pessoa plena?

Para esta resposta é preciso autoconhecimento, pois na plenitude de nosso ser estão nossas potencialidades e vulnerabilidades.


Os dez sinais de uma pessoa plena

Existem pessoas que adiam a própria vida até o dia em que se enxergarão perfeitas e este dia nunca existirá.

Jung dizia que o que se espera de nós é totalidade e não perfeição!

Dentro da totalidade dita por Jung estão incluídos os conteúdos psíquicos que foram relados ao porão escuro da psique: a sombra.

Conhecer a si mesmo implica necessariamente conhecer também a sombra que vive em cada um.

O ser humano não é apenas um ser repleto de sonhos, ideais e boas motivações. Nele há também medos, anseios e propósitos repreensíveis.

A caminhada para o autoconhecimento e para o desenvolvimento de si mesmo são jornadas internas, mas são os eventos externos que propiciam a matéria prima para a formação do ser e sua transformação.

O palco para tudo isso é o mundo e o enredo é a vida.

A vida é repleta de oportunidades e sacrifícios, mas muitas pessoas deixam passar as oportunidades e negam os sacrifícios.

Pessoas assim não compreendem que viver é ousadia!

E a ousadia de ser plenamente quem se é a maior ousadia de todas!

Brené Brown, em seu livro: A arte da imperfeição, define dez sinais de quem vive a vida como uma pessoa plena.

Eis a lista da autora:

  1. Cultiva a autenticidade; se liberta do que os outros pensam.

  2. Cultiva a autocompaixão; se liberta do perfeccionismo.

  3. Cultiva um espírito flexível; se liberta da monotonia e da impotência.

  4. Cultiva gratidão e alegria; se liberta do sentimento de escassez e do medo do desconhecido.

  5. Cultiva intuição e fé; se liberta da necessidade de certezas.

  6. Cultiva a criatividade; se liberta da comparação.

  7. Cultiva o lazer e o descanso; se liberta da exaustão como símbolo de status e da produtividade como fator de autoestima.

  8. Cultiva a calma e a tranquilidade; se liberta da ansiedade como estilo de vida.

  9. Cultiva tarefas relevantes; se liberta de dúvidas e suposições.

  10. Cultiva risadas, música e dança; se liberta da indiferença e de “estar sempre no controle”.

Os dez sinais de uma pessoa plena indicados pela autora começam sempre pelo verbo “cultivar”.

Isto indica que a plenitude se baseia na ação de ser e que deve ser cultivada a cada dia.

Dentro da totalidade do ser humano estão todas as sementes.

Sementes de ervas daninhas e flores.

Germinam as que são cultivadas.